Damian de Leão [FP]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Damian de Leão [FP]

Mensagem por Damian de Leão em Seg Abr 06, 2015 3:21 pm





Ficha de Damian

The Lion King.



Informações Básicas:

Nome: Damian Wayne.
Idade: 23 anos.
Sexo: Masculino.
Signo: Leão.
Veste: Armadura de Ouro de Leão.

▬ Psicológico:
Damian é uma pessoa extremamente tranquilo e bem ligado. Não é muito de fazer novas amizades, a não ser que a pessoa insista ou seja meio biruta de ser amigo dele. É sádico, com uma pitada de egocentrismo. Inteligente em questões de seu interesse. É um dos únicos que prefere passar o tempo com garotas ou lutando, mas quem em sã consciência não pensaria assim?!

Damian é um dos poucos que liga para aparências das pessoas a sua volta, todavia nunca ligou, meio que todas as pessoas são iguais para ele, ao não ser as mulheres, porque o coisa divina meu senhor. Graças a passar uma boa parte em orfanato, o mesmo criou trauma. Odeia pessoas mesquinhas, presunçosas ou certinhas demais. Damian tem certos distúrbios de bater em pessoas, as vezes pela mesma não escuta-lo ou não agrada-lo referente a algo. É uma pessoa que faz estrategias em meio ao seus pensamentos antes de agir. Mas, caso seja alguém querido por ele, o mesmo vai agir impulsivamente, Athena seria um belo exemplo.

▬ Aparência:
É alto, tendo uma altura de cerca 1,84m. Seus cabelos são loiros, sempre os mantem bagunçado, por não se importar muito com as aparências. Possui olhos azuis. Tem uma pele bastante clara, porém, em suas costas tem uma tatuagem tribal. Seu corpo aparentemente, é bem definido, mesmo sem fazer nada. Antigamente, costumava usar uma camisa branca, sua calça, assim como os sapatos, eram preto.

Quando estar a vestir sua Cloth, o mesmo prefere ficar sem capa e assim, apenas usa o elmo. Diz que, capa atrapalha o movimentos de seus golpes, já o elmo, é questão de segurança. Normalmente, em questão de estar na sua casa, ele fica sem elmo as vezes. Em questão de luta, ele jamais muda a expressão de seu rosto, fazendo com que seu adversários tenha dificuldade de saber que ele ira ataca-lo.

▬ História:

O que se dizer de mim? Bom não é segredo para ninguém que eu não sei da onde vim e muito menos para onde eu vou, sou um perdido na vida ,e, gosto disso. Não pretendo mudar tão cedo.

Minha certidão de nascimento - a original, é claro - diz que eu nasci na Rússia mas eu seria um tolo se acreditasse em tudo que papeis dizem, afinal, se eu realmente fosse de lá acho que nessa altura do campeonato já saberia. A verdade é que nunca cheguei a conhecer meus pais, aliás, ninguém nunca chegou a conhecer meus pais, pelo menos é o que dizem, também nunca me preocupei em investigar para ver se é verdade, não possuo o mínimo interesse nisso. Não me levem a mal mas eu acreditava que se meus pais não me queriam antes, não iriam me querer agora, não gosto muito de pensar no assunto.

Cresci em um orfanato perto da Rússia, onde desenvolvi uma incrível habilidade para causar confusão ou me meter em brigas, é claro que a maioria das crianças evitavam ficar perto de mim quando eu estava irritado depois de um tempo ,mas, ainda assim, existem aqueles que nunca aprendem sabe?!. A melhor parte disso é que possuo uma habilidade sem igual para conseguir fugir de confusões e armar "planos" que nunca falharam.

O orfanato era dirigido por freiras e houve uma época em que elas me mandaram passar um tempo em algum lugar longe da Rússia, por acreditar que eu estava "possuído" pelo demônio, ao menos aquela suposição das moças de batina fazem qualquer um rir até hoje. Eu me lembrava bem do porque daquilo, meus planos eram perfeitos, é claro, mas, certa vez depois de uma briguinha, um de meus comparsas resolveu delatar todos nós e me colocou como o "chefe da quadrilha" - não que ele estivesse errado, mas, aquilo fez as freiras pararem de achar que a casa era amaldiçoada e de que nenhum demônio tinha me possuído.

Pois é, passar quatro meses longe da Rússia com alguns padres estranhos apenas me fez aprender a falar a língua e aprender a ter alguma noção de Latim, não era difícil sabendo que eu tinha uma facilidade para aprender as coisas rápido, o único problema era meu deficit de atenção que irritava todo mundo.

Quando chegaram a conclusão de que eu não tinha nada, além de ser inquieto e extremamente genioso, me mandaram de volta para o orfanato, onde as freiras me receberam de volta sem muito animo.

Porém, eu também não fiquei muito mais tempo no orfanato pois alguns dias depois do meu aniversário de doze anos, um casal de sobrenome Wayne, resolveram me adotar.

Era um casal de classe, devo dizer, e realmente tinham a sua fortuna morando em uma mansão, não dizendo que eram incrivelmente podres de rico, porque isso não era, mas o Senhor Wayne tinha uma grande e promissora empresa que lhes proporcionavam todo o conforto.

Quando fui adotado pelos mesmos, faltava uma semana para o ano letivo começar no país e mal saímos do orfanato já me matricularam no sexto ano em uma academia famosa. Eu devo dizer que mudei um pouco na época, a Senhora Wayne quis de todas as formas me educar para ser um homem de negócios bem sucedido futuramente mas teve muito pouco sucesso com isso.

Na escola eu era um aluno prodígio e atraía sempre vários olhares tanto cobiçosos quanto de inveja mas também não era para tanto, eu sempre conseguia as melhores notas apesar de ter uma incrível queda por festas, bebidas, confusões e qualquer tipo de agito que puderem imaginar.

O Senhor Wayne vivia tendo que lidar com minhas crises de adolescente, dizendo que eu era irresponsável, teimoso, genioso, inconsequente e incrivelmente problemático e que jogava no lixo um futuro brilhante, já que eu era inegavelmente inteligente e um bom estrategista. O problema era que eu nunca quis mudar, entende? Adotei um visual mais moderno e quando fiz meus dezesseis anos, já havia tido mais ressacas, ocorrências de algumas pessoas por festas ilegais e aventuras impensáveis que eu poderia me lembrar. Infelizmente, naquele ano, meus pais adotivos morreram em um incêndio em uma festa da alta sociedade, que os mesmos foram convidados a ir e a qual eu recusara para ir em um baile qualquer com alguns amigos e onde saberia que poderia encontrar variadas bebidas e mulheres.

Quando meus pais adotivos morreram, tive de ficar sob guarda temporária de um de seus amigos, que descobri ser um tremendo de um interesseiro e não tive muito problemas em desmascará-lo com alguns pequenos esquemas que fizera e quando isso aconteceu, passei para as mãos de uma velha conhecida mas também foi por apenas por três meses. É, três meses. Logo fiz dezessete anos e pude voltar a ficar sozinho, e, por incrível que pareça, meu pai adotivo havia deixado um testamento em que me fazia o seu herdeiro dizendo que esperava que aquilo pusesse algum juízo em minha cabeça.

O que posso dizer? Não resolveu de nada, simples assim. Deixei a empresa nas mãos de seus sócios e apenas ficava com a sua porcentagem nos lucros e gastava quase tudo em festas, garotas e viagens... Ao menos até uma aventura inusitada. Para falar a verdade, foi aí que as coisas se complicaram... Com uma mochila nas costas e cansado da vidinha de sempre, resolvi rodar a Rússia levando apenas o que tinha no bolso e na mochila.

Passou meses e ainda eu tinha dinheiro suficiente para me deslocar, porém, nesse meu rodeio, encontrei algo... Que mudou minha vida e minha maneira de pensar, eu achando que uma mulher faria isso, ao não ser que aquela armadura seja uma mulher... Pera... Isso acaba por ficar estranho. Certa vez que eu estava na Rússia, digamos que minha última vez lá, encontrei a armadura que falei anteriormente, graças a um tipo de meteoro cair em uma das redondezas de lá, minha primeira reação ao encontra-la foi de tentar venda-la, mas, em uma gruta e tentar arrastar algo de dentro dela, ainda mas sendo algo feito de ouro, iria dar um tremendo trabalho, mesmo que eu peça ao sócios da minha empresa, iria dar trabalho.

Quando encostei naquela armadura, ela se separou e assim se prendendo em meu corpo, digamos que, me tornei um só, mesmo sendo estranho isso e irado também. Achei que seria pesada ela, mas não era, era completamente leve e dava sensação de nem estar usando - Talvez seja graças ao meu corpo definido, ou não -. Não acaba por ai. Logo escutei uma voz, que me dizia que fui escolhido para ocupar o cargo de meu pai, o verdadeiro e assim ir para o santuário, aquilo fez dúvidas ressurgir de volta para mim, junto com novas.

- As vezes tem coisas que nenhum homem sabe explicar ou entender. Pelo menos para mim, não tentei fazer esforço. - Falei para mim mesmo enquanto saia daquela gruta com a armadura em meu corpo. Estando fora, logo percebi que teria que mudar... Bastante, porque que continuasse sendo eu, talvez, não seria merecedor da Cloth. Sendo assim, fui até onde seria o santuário, que não foi tão difícil achar a localização do local e fiquei surpreendido ao ver muitos como eu, me receberão com animo por ver que um novo cavaleiro de ouro foi escolhido, o cavaleiro de leão.

Mesmo estando em alto nível, treinei bastante e nesses treinamentos, encontrei a dona daquela voz, que seria Athena, a dona do santuário. Não fui muito informado, graças ao meu jeito de se insolar de todos, uma coisa que não mudou. Após esse encontro, informou o porque de ter mandando a armadura daquele jeito, foi apenas para chamar minha atenção, ao mesmo tempo disse a situação que todos estava, inclusive eu e ter cai entre nós, que isso fez eu ficar bastante ansioso de quebrar a cara de Hades.



notes: Lá vamos nós music: Exit woundstagged: #ficha


THANK YOU SECRET!


Última edição por Damian de Leão em Qua Abr 08, 2015 4:53 pm, editado 7 vez(es)
avatar
Damian de Leão
Cavaleiro de Ouro

Leão Mensagens : 10
Data de inscrição : 06/04/2015
Idade : 26
Localização : Casa de Leão.

Dados do Saint
Cosmo:
1000/1000  (1000/1000)
HP:
1000/1000  (1000/1000)
Nível: 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Damian de Leão [FP]

Mensagem por Kenshin Himura em Seg Abr 06, 2015 6:23 pm

Avaliação


Psicológico: Muito breve. Você poderia ter dito várias coisas a mais de seu personagem, peço que aprofunde mais nisso.


Aparência: Não está ruim, acrescente apenas mais alguns detalhes. 


História: É imperdoável não citar a sua boa escrita e narração. De fato encontra-se até em padrões pra ser aceito nesse quesito, apesar de conter erros que peço que não cometa mais. ( Repetições de palavras e alguns de pontuação). A questão, é a incoerência em relação à trama do fórum, tudo isso comprometeu maior parte de sua história:  http://ssicr.forumgratis.com.pt/t128-trama-principal

Peço que leia a mesma e busque editar as partes cujo não fazem sentido devido à tal. No mais, fazendo as devidas alterações provavelmente terá uma ficha à padrão, então a faça, que logo voltarei a avaliar a mesma.

Por hora, ficha REPROVADA.

_________________

Muriel, o cavaleiro de Áries!
avatar
Kenshin Himura
Aspirante

Escorpião Mensagens : 260
Data de inscrição : 05/03/2014
Idade : 17

Dados do Saint
Cosmo:
1250/1250  (1250/1250)
HP:
1250/1250  (1250/1250)
Nível: 8

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Damian de Leão [FP]

Mensagem por ADM Daënna em Qua Abr 08, 2015 5:24 pm

AVALIAÇÃO


Como o último dado era a história, e tomei a avaliação a mim, devo dizer que em si ela foi bem estruturada não vi muitos erros, mas a esquemática de uma trama ao envolvo dela mesmo sendo um resumo, fora deixada a desejar. Tendo em vista sua atividade no fórum e também presença constantes até agora quando chegou, deixarei passar por vez... Está aprovado, mas evolua em ON para lapidar este erro (normal) e formá-lo da melhor forma o possível. 

_________________
Garnet Scarlett, aquatic strategist 
avatar
ADM Daënna
Admin

Aquário Mensagens : 158
Data de inscrição : 25/03/2015
Idade : 17

Dados do Saint
Cosmo:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)
Nível: 2

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Damian de Leão [FP]

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum